sábado, 15 de novembro de 2014

Entroncamento - Cidade Ferroviária e dos Fenómenos



Autocaravanismo

ENTRONCAMENTO

55º Encontro CPA
Foto Reportagem



Encontro autocaravanista organizado pela Associação Autocaravanista de Portugal – CPA que decorreu entre os dias 07 a 9 de novembro de 2014, tendo como destinatários sócios do CPA 

As fotos, cuja ordem corresponde à sequência do encontro, podem ser vistas AQUI

Para ver as fotos em “tela inteira” não se esqueça de pressionar a tecla “F11”. Para voltar ao formato inicial prima de novo “F11”.



ENTRONCAMENTO


O Entroncamento é uma cidade portuguesa pertencente ao Distrito de Santarém, região Centro e sub-região do Médio Tejo, com cerca de 20 000 habitantes. Pertencia ainda à antiga província do Ribatejo, hoje porém sem qualquer significado político-administrativo.

É sede do segundo menos extenso município do País, com apenas 13,73 km² de área e 20 206 habitantes (2011), o que corresponde a uma densidade demográfica de 1 471,7 hab./km², subdividido em 2 freguesias. O município é limitado a leste pelo município de Vila Nova da Barquinha, a sul pelo município da Golegã, e a oeste e norte pelo município de Torres Novas.

O Entroncamento tem três oragos padroeiros: a Sagrada Família , São João Baptista e Nossa Senhora de Fátima .

O Entroncamento deve o seu nome ao facto de aí se entroncarem duas linhas de caminho-de-ferro: Linha do norte (que liga Lisboa ao Porto), e a Linha da Beira Baixa (que liga o Entroncamento à Covilhã). O que antes era um espaço ermo desenvolveu-se, em grande medida, devido à passagem do comboio. Dessa forma, o Entroncamento acabou por se tornar uma freguesia autónoma, sendo desanexada de Torres Novas e Vila Nova da Barquinha em 25 de agosto de 1926. Mais tarde (24 de novembro de 1945), devido ao continuado progresso aí verificado, foi elevado a vila e tornou-se, ele mesmo, sede de município independente, por fim, foi elevado à condição de cidade (em 20 de junho de 1991).

Devido às suas relativamente recentes origens, a cidade não possui qualquer património histórico próprio, excepto no que se refere ao Museu Nacional Ferroviário; no entanto, a autarquia planeia desenvolver a sua ligação cultural ao transporte ferroviário.

Museu

A Fundação Museu Nacional Ferroviário tem o seu museu central e sede da fundação situado na cidade do Entroncamento nas antigas instalações do armazém de viveres da CP junto à estação (atualmente em obras). Abertos de Terça-feira a Sábado entre as 14h e as 17h30. Fazem ainda parte do património da fundação 4,5 hectares de área entre os quais a Rotunda de Locomotivas (atualmente em obras) que tem diverso material circulante do património ferroviário nacional.

Fenómenos

O Entroncamento é vulgarmente conhecido em Portugal como sendo 'a terra dos fenómenos' . De acordo com relatos populares, passam-se desde o seu começo eventos curiosos, extraordinários ou mesmo fantásticos, que recebem ainda hoje alguma cobertura dos media.

Uma origem plausível para esta denominação remonta à década de 50, altura em que um comerciante local colocou na montra do seu estabelecimento uma abóbora gigante, ou 'fenomenal', de modo a atrair a atenção dos transeuntes. A abóbora, adquirida por um agricultor da vizinha vila da Golegã, teria cerca de 50 kg. Durante os anos seguintes foram sendo expostos na dita montra outros legumes e frutos ditos 'fenomenais', fosse pelo tamanho ou por sua formas sugestivas, frequentemente antropomórficas, vindo a história a propagar-se e adquirir as dimensões actuais.

Na realidade, os acontecimentos tidos como fenomenais, confirmados ou não, têm sido registados por todo o mundo.

Parques e Jardins

O concelho conta com o Parque Verde do Bonito, a maior área verde da cidade. Mas existem ainda alguns jardins como o "Largo das Comunidades", o "Jardim Afonso Serrão Lopes" (vulgo "Jardim da Zona Verde) e o "Jardim Parque Dr. José Pereira Caldas" .

Festas de São João e da Cidade

A festa da cidade são as "Festas de São João e da Cidade" que se realizam normalmente anualmente entre os dias 18 a 24 de junho, e são organizadas pela Câmara Municipal do Entroncamento. As mesmas tem ocorrido no Recinto Multiusos (na zona sul da cidade). Em 2013 a Câmara Municipal anunciou que as festas realizar-se-ão entre os dias 15 e 24 de junho e que irão decorrer no Parque Verde do Bonito (zona norte da cidade).


O espaço do recinto costuma abarcar diversas tasquinhas de comes & bebes, barracas de artesanato, zona de diversão para crianças, barracas cedidas a entidades/ organizações locais para promoção dos seus serviços, stand do município e dois palcos. Durante as festas decorrem normalmente diversas actividades desportivas (organizadas pelo município e/ ou por associações da cidade) no concelho, demonstrações de dança, marchas populares e é ainda durante as festas de São João e da Cidade que decorre no Recinto Multiusos a final do "Concurso Nacional de Bandas – Música Moderna" organizado pelo município.


Fonte: Wikipédia – A enciclopédia livre

Sem comentários:

Publicar um comentário